Mito ou verdade: Filé de Peixe Panga está contaminado?

Circula pela internet desde 2008 a notícia de que o filé de Peixe Panga, ou Peixe Gato, tem origem nas águas extremamente poluídas do Rio Mekong, no Vietnam,  e pode fazer mal à saúde. Isso é verdade?

A notícia começou a se espalhar em janeiro de 2008, quando foi publicado um artigo no site “Why travel to France“. (Why You Shouldn’t Eat Pangas).

Artigos na internet (basta pesquisar no Google para comprovar) e em e-mails espalhados pelo mundo falam de vermes encontrados em sua carne, além de alta concentração de metais pesados e produtos tóxicos.

Sem entrar no mérito da questão, não há informação pelas nossas autoridades de que o Peixe Panga vendido nos Supermercados brasileiros esteja contaminado, mas a origem e o preço baixo nos fazem desconfiar da qualidade do produto. Particularmente, não o incluiria no meu cardápio, pois a ganância pelo lucro fácil pode fazer com que recebamos lixo hospitalar e alimentos contaminados. Por que não? Ainda mais sendo importado da Ásia, onde o povo tem hábitos alimentares bem diferentes dos nossos.  Assim, considero a notícia VERDADEIRA, mesmo sem confirmar a contaminação do pescado, já que as autoridades o consideram próprio para o consumo. Levo em conta apenas a procedência do Panga, as águas contaminadas do Rio Mekong, e o processo de criação, que não ficou muito claro. Prefiro o peixe fresco, pescado em águas limpas do litoral brasileiro, sem passar por processos industriais, ainda encontrado nas poucas praias onde se pratica a pesca artesanal, como em Arraial do Cabo ou Salvador, por exemplo. Já que mencionei Salvador, nem sei se ainda existe o tradicional arrastão para a pesca do Xaréu na praia do Chega Nego, iniciado na época da escravidão (o nome Chega Nego vem dos gritos dos senhores, chamando os negros escravos para puxarem as redes do xaréu).

O panga é um peixe de cultura intensiva/industrial no Vietnam, mais exatamente no delta do rio Mekong e está invadindo o mercado devido ao seu preço. O nível de poluição dessas águas é de tamanha magnitude e as próprias pessoas que, por lá vivem, têm nojo e repugnância dos víveres dessa água.

Panga

1.419 views

3 comentários para “Mito ou verdade: Filé de Peixe Panga está contaminado?

  1. Oi Paulo. Maior coincidência. A semana passada comprei um pacotinho desse peixe para experimentar. Achei o nome estranho: PANGASIUS. Fui pesquisar e assisti esse vídeo. Desisti de comê-lo. Assim como vc, considerei como VERDADE. Não sei se fiz a coisa certa mais cozinhei as 3 super fatias e misturei na comida dos cachorros. Claro, eles adoraram mais nem pra eles eu compraria novamente. Existe uma briga da galera pesqueira de Santa Catarina por causa desse tal Panga. Deve haver um bom motivo para ele estar tão barato ameaçando o pescado nacional. Enfim, aqui pra casa, FORA PANGA!! Bom feriadão.

    Resposta

  2. Este é um dos inúmeros links que li sobre a afirmação deste peixe ser contaminado. Esse é bem explicativo!

    http://www.proalimento.com.br/dica.php?id=317

    Resposta

    Timoneiro respondeu:

    @Maria Nascimento, Por mais que me digam o contrário, não tenho confiança para consumir o pescado. Leio diariamente sobre a contaminação de alimentos fiscalizados e aprovados pela Anvisa e não posso confiar em qualquer atestado que garanta a qualidade do produto.

    Prefiro um peixe fresquinho de Arraial do Cabo, onde as águas ainda são limpas. Enquanto for possível, vamos aproveitando.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>