Cremação: o que fazer para ser cremado

Aumenta diariamente o número de pessoas que são cremadas, em vez de sepultadas. Para que isso aconteça o desejo de ser cremado deve ser manifestado ainda em vida, com o preenchimento de um documento que deverá ser assinado pela pessoa interessada e por três testemunhas. Após o reconhecimento das firmas em cartório, a autorização deverá ser registrada em Cartório de Títulos e Documentos.

A cremação é feita em um forno crematório que atinge uma temperatura de até 1.200 graus centígrados.

A cremação só pode acontecer após 24 horas do falecimento. Os Espíritas aceitam a cremação, mas pedem um prazo mínimo de 72 horas entre a morte e o ato.

“Já ouvimos Emmanuel a esse respeito, e ele diz que a cremação é legítima para todos aqueles que a desejem, desde que haja um período de, pelo menos, 72 horas de expectação para a ocorrência em qualquer forno crematório, o que poderá se verificar com o depósito de despojos humanos em ambiente frio”. – Chico Xavier

Então, tome a sua decisão. Se optar pela cremação, baixe o documento da Santa Casa para o seu computador, imprima, assine e registre no Cartório de Títulos e Documentos.

Onde registrar? No Rio de Janeiro procure a CERD – Central de Registros de Documentos – Rua do Carmo, 57 – Centro.

1.497 views

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>